Home / Educação e Saúde / Festa é feita em hospital para crianças em tratamento, em Porto Velho

Festa é feita em hospital para crianças em tratamento, em Porto Velho

Evento acontece anualmente no hospital Cosme e Damião.
Festa é realizada sempre em outubro em alusão ao Dia das Crianças.

Uma semana inteira de festa, com distribuição de bolos e guloseimas, música e entrega de brinquedos fazem parte da comemoração do Dia das Crianças no Hospital Infantil Cosme e Damião, em Porto Velho. A equipe técnica e a direção do hospital realizam a festa todos os anos para os internados na unidade de saúde.

A festa que teve início nesta segunda-feira (10) e só acaba no sábado (15), é realizada pelo quinto ano consecutivo e, segundo a psicóloga Kelma Jhonson, uma das organizadoras, ganha maiores proporções a cada nova edição.

“Neste ano, por exemplo, temos vários animadores voluntários e a maioria dos brinquedos e alimentos é fruto de doações”, explicou.

Samuel Lorhan, de 5 anos, se divertiu ao lado da mãe, a estudante Adezuíta Pinto (Foto: Toni Francis/G1)Samuel Lorhan, de 5 anos, se divertiu ao lado da
mãe, a estudante Adezuíta Pinto
(Foto: Toni Francis/G1)

A iniciativa é aprovada pelos pais. A estudante Adezuíta Pinto da Silva, de 26 anos, mãe do Samuel Lorhan, de 5 anos, por exemplo, disse que o filho recuperou o brilho no olhar e, por alguns minutos, esqueceu o mal estar causado pela hérnia e pela infecção que o tem mantido sob observação médica há cinco dias.

Conforme Kelma, o hospital, atende cerca de 300 crianças por dia. “São meninos e meninas advindas de todos os municípios de Rondônia. O objetivo dessa ação é levar descontração e ajudar na recuperação dessas crianças, através de brincadeiras lúdicas e da interação com os personagens infantis que aguçam a fantasia delas”, enfatizou.

Gustavo Guedes, de 10 anos, recebeu os carinhos da princesa 'Cinderela', representada por Sacha Mara Porto (Foto: Toni Francis/G1)Gustavo Guedes, de 10 anos, recebeu os carinhos
da princesa Cinderela, representada por Sacha
Mara Porto (Foto: Toni Francis/G1)

Com apenas 10 anos, Gustavo Guedes está no hospital por causa de uma infecção no rim. “Gostei muito, acho bem legal”, comentou o garoto que aos 9 anos teve um dos rins retirado e hoje, acompanhado da mãe, se deslocou deCampo Novo de Rondônia para tratar de uma infecção urinária. “Ele está internado há 10 dias, cuidando infecção no rim”, salientou a mãe do garoto.

Gustavo foi um dos internos do hospital que ganharam atenção especial dos voluntários.

“Essa carinha de triste dele desparta na gente uma vontade de fazê-lo rir. É gratificante quando uma criança assim fica feliz”, explicou a funcionária pública Sacha Mara Porto, de 29 anos, ao falar do trabalho voluntário e da atenção que dá às crianças nos hospitais. “Sou voluntária há 6 anos e acho que eles é que estão dando amor pra gente. Nada físico supera o que esse momento proporciona”, completou.

Personagens de filmes e de desenhos animaram a tarde de pacientes no hospital Cosme e Damião (Foto: Toni Francis/G1)Personagens de filmes e de desenhos animaram a tarde de pacientes no hospital Cosme e Damião
(Foto: Toni Francis/G1)

A mesma opinião tem a voluntária Keite Krisostomo, ela trabalhava como animadora de festa e agora, como voluntária, acredita que a vida devolve o bem que ela faz aos outros. “Sou recompensada o tempo todo”, afirmou apresentando um lago sorriso que ela diz ser de satisfação pelo bem exercido.

Fonte: (Toni FrancisDo G1 RO)

(Foto: Toni Francis/G1)

About Rondônia Atualidades

Agência Rondônia Atualidades LTDA-ME

Check Also

Temporal alaga cidade, causa estragos e interdita estradas no Cone Sul

O forte temporal caiu neste final de semana causou estragados nos sete municípios da região …