Home / _Destaque / Ex-secretária e ex-diretor de hospital condenados por gastos excessivos de alimentos em Corumbiara

Ex-secretária e ex-diretor de hospital condenados por gastos excessivos de alimentos em Corumbiara

O Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE/RO) condenou dois ex-gestores do município de Corumbiara.

Márcia Alves de Oliveira (ex-secretária municipal de saúde) e Leomar Kechner (ex-diretor da unidade mista) são acusados de irregularidades em gastos excessivos na aquisição de alimentos para as unidades hospitalares.

O caso remete aos exercícios 2014 e 2015, referente aos processos administrativos nº 280/2014, 518/2014 e 103/2015, quando o empresário Deocleciano Freira Filho era prefeito do município.

Em julgamento ocorrido em 27 de junho passado, todos os conselheiros do TCE votaram em consonância com o relator do caso, Francisco Carvalho da Silva para multar os envolvidos “em razão da falta de controle efetivo do estoque de gêneros alimentícios das unidades hospitalares, dos gastos excessivos de gêneros alimentícios nos processos analisados e não comprovação do consumo apresentado nos processos, oportunizando possível dano ao erário”.

Márcia e Leomar foram condenados a pagar multa, individual, de R$ 5 mil, pela prática de atos com grave infração à norma legal.

Na decisão, publicada no último 26 de julho no Diário Oficial Eletrônico do TCE, os conselheiros determinaram ao atual prefeito, Laércio Marchini e à atual secretária municipal de saúde, Tânia Maria Kechner, a adoção das medidas necessárias à correção das impropriedades identificadas nos autos, sob pena de eventual responsabilização em futuras fiscalizações.

 

FONTE: EXTRA DE RONDÔNIA

About Rondônia Atualidades

Agência Rondônia Atualidades LTDA-ME

Check Also

Trabalhadores passam mal em Portocel durante descarregamento de navio

Dois trabalhadores passaram mal enquanto faziam a descarga de madeira do navio Sepetiba Bay, ancorado …