Home / Educação e Saúde / Com apoio do governo, Federação das Indústrias lança Movimento Rondônia pela Educação

Com apoio do governo, Federação das Indústrias lança Movimento Rondônia pela Educação

A Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero) lançou na manhã desta segunda-feira (23), no Teatro Guaporé, o Movimento Rondônia pela Educação, uma iniciativa com seis metas prioritárias para ser desencadeadas em ações que serão definidas em um plano de trabalho que se estende até 2018. Com a assinatura do termo de adesão, o governador Confúcio Moura assegura apoio à proposta, anunciada pelo presidente da entidade, Marcelo Thomé.

O Movimento Rondônia pela Educação é inspirado em iniciativa consolidada no ano de 2013 em Santa Catarina por decisão da Federação das Indústrias daquele estado, e nasceu mediante uma provocação, conforme relato de Marcelo Thomé, da secretária da Educação Fatima Gavioli. Ela teria conhecido a experiência da Fiesc, levou o assunto a Thomé, que incorporou a ideia e oito meses depois a proposta é anunciada.

“Precisamos fazer uma revolução na educação, e essa proposta não é de uma instituição isoladamente”, disse Marcelo Thomé, convocando empresários, entidades sindicais e outras instituições da sociedade civil organizada a assinarem o termo de adesão ao Movimento Rondônia pela Educação. Um termo de cooperação técnica foi assinado pelo dirigente da Fiero com o presidente da entidade similar de Santa Catarina, Glauco José Corte.

Nesse primeiro momento, a Fiero e apoiadores iniciais irão buscar a adesão das empresas de Rondônia. Essa adesão não significa o comprometimento com alguma ação educacional especifica, mas uma sinalização de apoio ao Movimento Rondônia pela Educação. As ações serão aprovadas pelo Conselho de Governança da Fiero.

Zerar o analfabetismo entre os trabalhadores de Rondônia; integrar a escola, família e sociedade para melhorar a educação; implantar projeto de formação para gestores escolares; reduzir 80% da evasão escolar identificada no Estado; promover experiências que diminuam ou erradiquem a evasão escolar e promover 70% de escolaridade básica completa dos trabalhadores da indústria são as metas anunciadas.

“Esta é uma parceria fantástica, salvadora e que poderá acolher o jovem que está com dificuldade na escola, ou que está na malandragem, no subemprego”, disse o governador Confúcio Moura, parabenizando a iniciativa. Ele destacou as diversas parcerias que o governo estadual tem alcançado, citando entre elas com o Itaú Social, o Instituto Airton Sena, a Fundação Roberto Marinho, o Ifro, Escolas Famílias Agricolas e Instituto Abaitará, para avançar a educação em Rondônia.

Fonte
Texto: Mara Paraguassu
Fotos: Daiane Mendonça
Secom – Governo de Rondônia

About Rondônia Atualidades

Agência Rondônia Atualidades LTDA-ME

Check Also

Assessor do governo de RO é preso suspeito de ser articulador de esquema criminoso na Sedam

O assessor do atual governo de Rondônia, Flávio Tiellet, foi preso no início da tarde …